Mobility

Autores

  • Noel Salazar Faculty of Social Sciences, KU Leuven

DOI:

https://doi.org/10.1590/10.1590/1980-85852503880005702

Palavras-chave:

mobilidade, imobilidade, migração, teoria, metodologia

Resumo

Os conceitos de migração e mobilidade com certeza se cruzam, mas não são sinônimos. Enquanto a migração, por definição, implica mobilidade, estudos de migração têm privilegiado estudar outros aspectos do processo migratório. Este artigo analisa (i)mobilidades migratórias e metodologias para estudá-las e reflete criticamente sobre a utilidade dos estudos de mobilidade como uma lente analítica para o estudo da migração humana. A falta de dados empíricos sugere que precisamos de estudos comparativos mais sistemáticos sobre como as mobilidades migratórias são geradas e facilitadas na vida cotidiana, assim como reprimidas por circuitos e instituições específicas de mobilidade.

Publicado

2019-12-06