Imigração venezuelana, fronteira e interculturalidade

uma análise das experiências de educadoras e educadores em escolas públicas de Boa Vista (Roraima)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1980-85852503880006907

Palavras-chave:

imigração venezuelana, fronteira, escola, interculturalidade

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar as experiências de educadores(as) da rede municipal de ensino da cidade de Boa Vista (RR) relacionadas à presença da diversidade imigratória de crianças venezuelanas e às possibilidades de inclusão de práticas interculturais em espaços escolares. O marco teórico abarca os conceitos de fronteira, interculturalidade e imigração. A metodologia, de caráter qualitativo, abrangeu entrevistas e pesquisa exploratória, bibliográfica e documental. A análise empírica se desenvolve em torno de três dimensões das experiências de educadores(as) relacionadas à interculturalidade: a visão dos(as) educadores(as) sobre a relação com a fronteira, as escolas de Boa Vista como espaços de diversidade migratória e a ausência de políticas públicas voltadas à interculturalidade. Como resultados, observamos possibilidades e limites de desenvolvimento de práticas educativas interculturais no contexto da fronteira, a ausência de projetos e políticas interculturais nas escolas e o entendimento de que a presença de migrantes é provisória.

Biografia do Autor

Sabrina Generali, ESPM

Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo (ESPM), integrante do grupo de pesquisa Deslocar e da Cátedra Maria Aparecida Baccega. Sâo Paulo, SP, Brasil. E-mail: sabrinagenerali@gmail.com.

Denise Cogo, ESPM

Professora Titular do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo (ESPM), onde coordena o grupo de pesquisa Deslocar. Pesquisadora Produtividade 1C do CNPq. Pesquisadora Associada do Instituto de la Comunicación da Universitat Autònoma de Barcelona (inCom-UAB). Co-coordenadora do Migracine (Observatório de Cinema e Migrações Transnacionais). Colunista do site Latinoamerica21. Autora e coautora de diversos livros, capítulos e artigos sobre comunicação e migração. São Paulo, SP, Brasil. E-mail: denise.cogo@espm.br.

Referências

AGIER, Michel. Migrações, descentramento e cosmopolitismo: uma antropologia das fronteiras. São Paulo/Maceió: Ed. Unesp/Edufal, 2015.

ALBUQUERQUE, José Lindomar. Identidades em territórios de fronteira - Os casos de Ceuta e Gibraltar na fronteira entre a África e a Europa. Civitas, v. 18, n. 2, p. 285-302, maio-ago. 2018. Disponível em: <https://bit.ly/454gsUG>. Acesso em: 26.06.2023.

BARTOLOMÉ, Margarita. Educación intercultural y ciudadanía. Aula Intercultural. Barcelona, 15 dez. 2003. Disponível em: <https://bit.ly/43DT8w8>. Acesso em: 22.12.2021.

BELLO, Sabela. Venezuela mantém alerta por proximidade com o Brasil, epicentro da pandemia. UOL, 19 mar. 2021. Disponível em: <https://bit.ly/453d6BC>. Acesso em: 20.04.2021.

BLOUIN, Cécile. Antes de la llegada: migración (forzada) de personas venezolanas. In: BLOUIN, Cécile (coord.). Después de la llegada: realidades de la migración venezolana. Lima: Editorial Jurídica TH?MIS, 2019, p. 13-22.

COGO, Denise. Comunicação e diversidade: cenários e possibilidades da comunicação intercultural em contextos organizacionais. In: MOURA, Claudia Peixoto de; FERRARI, Maria Aparecida (org.). Comunicação, interculturalidade e organizações: faces e dimensões da contemporaneidade. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2015, v. 1, p. 97-116.

______. Migrações transnacionais, narrativas midiáticas e o direito à mobilidade humana. In: ALENCAR, Claudiana Nogueira de; COSTA, Maria de Fátima Vasconcelos da; COSTA, Nelson Barros (orgs.). Discursos, fronteiras e hibridismo. Fortaleza: Expressão Gráfica e Editora, 2017.

COLOMBO, Sylvia. Pouca vacina e gotas ‘milagrosas’ marcam pandemia na Venezuela. Folha de S. Paulo, Buenos Aires, 28 mar. 2021. Disponível em: . Acesso em: 20.04.2021.

CONARE – Comitê Nacional para os Refugiados. Refúgio em Números – 4ª edição. Brasília, 2019. Disponível em: <https://bit.ly/3QeW0MY>. Acesso em: 23.09.2022.

CORTINA, Adela. Aporofobia, a aversão ao pobre: um desafio para a democracia. São Paulo: Editora Contracorrente, 2020. E-book.

______. Cidadãos do mundo: para uma teoria da cidadania. São Paulo: Loyola, 2005.

DELFIM, Rodrigo Borges. Brasil mantém restrições sobre venezuelanos, mas libera entrada via aérea em todo o país. MigraMundo, 25 set. 2020a. Disponível em: . Acesso em: 20.04.2021.

______. Nova portaria do governo contraria Justiça e mantêm restrições sobre refúgio e venezuelanos. MigraMundo, 28 ago. 2020b. Disponível em: <https://bit.ly/44Xv0Gp>. Acesso em: 20.04.2021.

FIGUEIRA, Rickson Rios; FIGUEIREDO, Julia Petek de. A pandemia de Covid-19 e seus impactos sobre a Operação Acolhida e a gestão da migração venezuelana em Roraima. In: BAENINGER, Rosana; VEDOVATO, Luís Renato; NANDY, Shaylen (coords.). Migrações internacionais e a pandemia da Covid-19. Campinas: Nepo/Unicamp, 2020, p. 381-390. Disponível em: <https://bit.ly/49mXyeP>. Acesso em: 03.11.2023.

FLEURI, Reinaldo Matias (org.). Educação intercultural. Mediações necessárias. Rio de Janeiro: DP&A, 2003.

GENERALI, Sabrina. Consumo midiático, interculturalidade e cidadania: experiências de educadoras e educadores de escolas públicas no contexto da fronteira Brasil-Venezuela. 2023. 482 f. Tese (Doutorado em Comunicação e Práticas de Consumo) – Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo, Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), São Paulo, 2023. Disponível em: <https://bit.ly/tese-sabrina-generali>. Acesso em: 26.07.2023.

INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Resultados Anuais do Censo Escolar. Resumo Técnico: Censo da Educação Básica 2020 [recurso eletrônico]. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2021. Disponível em: <https://bit.ly/3O9Bniy>. Acesso em: 22.07.2023.

LLOYD, Annemaree. Researching fractured (information) landscapes: implications for library and information science researchers undertaking research with refugees and forced migration studies. Journal of Documentation, v. 73, n. 1, p. 35-47, 2017. Disponível em: <https://bit.ly/3Y6r4jX>. Acesso em: 21.12.2021.

MALGESINI, Graciela; GIMÉNEZ, Carlos. Guía de conceptos sobre migraciones, racismo e interculturalidad. La Cueva del Oso. Madri: Los libros de La Catarata, 1997.

MANZI, Laura. ¿Cómo ha afectado la pandemia a los niños y niñas migrantes? San Jose: OIM – Organização Internacional para as Migrações, 2020. Disponível em: . Acesso em: 05.01.2021.

OBSERVATÓRIO DE BOA VISTA. Distorção idade-série. Observatório de Boa Vista. Boa Vista: Prefeitura Municipal de Boa Vista, 10 fev. 2022. Disponível em: . Acesso em: 03.10.2022.

MARTINS, José de Souza. Fronteira: a degradação do Outro nos confins do humano. São Paulo: Contexto, 2019.

OLIVEIRA, Antônio Tadeu Ribeiro de. Los impactos de la migración venezolana en Brasil: crisis humanitaria, desinformación y aspectos normativos. In: BLOUIN, Cécile (coord.). Después de la llegada: realidades de la migración venezolana. Lima: Editorial Jurídica Th?mis, 2019, p. 63-79.

ONU – ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável no Brasil/Educação de qualidade. Brasília: Organização das Nações Unidas, 2022. Disponível em: <https://brasil.un.org/pt-br/sdgs/4>. Acesso em: 23.10.2022.

PBS – Public Broadcast Service. Friendship: How to Help Your Seven-Year-Old Build Healthy Relationships. PBS, Boston, 2023. Disponível em: <https://bit.ly/46ZYOCO>. Acesso em: 23.10.2023.

R4V – Plataforma de Coordenação Interagencial para Refugiados e Migrantes da Venezuela. Refugiados y Migrantes de Venezuela. R4V, Cidade do Panamá, 5 ago. 2022. Disponível em: <https://bit.ly/3q4YIKa>. Acesso em: 25.09.2022.

REUTERS. Facebook congela página de Maduro por promover remédio ineficaz anti-Covid. Folha de S. Paulo, Caracas, 27 mar. 2021. Disponível em: https://bit. ly/44XuR5P>. Acesso em: 20.04.2021.

______. Para atacar rival, Maduro emula Trump e chama coronavírus de ‘vírus colombiano’. Folha de S. Paulo, Bogotá, 30 jun. 2020. Disponível em: . Acesso em: 20.04.2021.

SARMENTO, Gilmara Gomes da Silva. Palestra proferida no webinar A educação em contexto de emergências e o apoio psicossocial (Roraima), set. 2020. Disponível em: <https://bit.ly/3pX7DNW>. Acesso em: 02.12.2021.

SAYAD, Abdelmalek. A imigração. São Paulo: Edusp, 1998.

SINGER, Florantonia. Com um quilo de arroz por um salário mínimo, a hiperinflação dispara novamente na Venezuela. El País, Caracas, 30 dez. 2020. Disponível em: <https://bit.ly/43FSkGZ>. Acesso em: 20.04.2021.

TOURAINE, Alain. Igualdade e diversidade: o sujeito democrático. Tradução: Modesto Florenzano. Pauru: EDUSC, 1998.

UNESCO – Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. Investir na diversidade cultural e no diálogo intercultural: relatório mundial da UNESCO. 2009. Disponível em: <https://bit.ly/3rNi9rx>. Acesso em: 05.01.2021.

VALE, Ana Lia Farias. Imigração de nordestinos para Roraima. Revista Estudos Avançados, v. 20, n. 57, Ago. 2006. Disponível em: <https://bit.ly/3SbF9eH>. Acesso em: 23.10.2023.

VERONEZI, Rodrigo. Nova portaria sobre residência barra venezuelanos que chegaram no Brasil na pandemia. MigraMundo, 29 mar. 2021. Disponível em: . Acesso em: 20.04.2021.

WORLD VISION INTERNATIONAL. Report Niñez Venezolana – entre a espada y la Pared. World Vision International. Uxbridge: 2020. Disponível em: . Acesso em: 17.07.2023.

Downloads

Publicado

2023-12-18

Como Citar

Generali, S., & Cogo, D. (2023). Imigração venezuelana, fronteira e interculturalidade: uma análise das experiências de educadoras e educadores em escolas públicas de Boa Vista (Roraima). REMHU, Revista Interdisciplinar Da Mobilidade Humana, 31(69), 91–108. https://doi.org/10.1590/1980-85852503880006907