Os imigrantes e a cidade de São Paulo

modos de interação e sociabilidade

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1980-85852503880006412

Palavras-chave:

Imigração, São Paulo, Mediações socioculturais, Comunicação

Resumo

Este artigo tem como objetivo principal investigar os modos de interação e sociabilidade de imigrantes de origem latino-americana que vivem na cidade de São Paulo, contexto de maior presença migratória internacional no Brasil. Para isso, fizemos uso da técnica de pesquisa de observação-participante, acompanhando o desenvolvimento de veículos de comunicação de seis grupos, coletivos e associações de imigrantes, durante cerca de um ano. Como recurso teórico-metodológico, adotamos a ideia de comunicação como vínculo, trabalhada por Sodré (2014), em diálogo com o conceito de mediador, de Gilberto Velho (2010), em uma perspectiva interdisciplinar que une os campos da Comunicação e Antropologia. Os resultados apontam para a forma como se constituem as relações sociais na cidade por meio da convivência no espaço comum, bem como para a composição de significados compartilhados em um nível sociocultural.

Biografia do Autor

Camila Escudero, Universidade Metodista de São Paulo

Professora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Metodista de São
Paulo. São Paulo, SP, Brasil. E-mail: camilaescudero@uol.com.br.

Downloads

Publicado

2022-05-13